História do Município

JOANÓPOLIS

Joanópolis, antiga São João do Curralinho, foi fundada no ano de 1878, em território pertencente ao então município de Santo Antônio da Cachoeira, atual Piracaia. Deve-se sua fundação a um pugilo de habitantes do bairro que costumeiramente se reuniam junto a um grande cruzeiro, localizado onde hoje se acha a matriz, para festejar, no dia 24 de junho, o transcurso do dia de São João Batista. Em 1878, por ocasião dos festejos, ficou resolvido que aquele ano em diante se nomeassem festeiros, em cada ano para o ano seguinte, sendo aclamados, desde logo, patrocinadores da festa vindoura os Senhores Anselmo Gonçalves Caparica e Ambrosina Pinto. Tiveram eles a ideia de levantar, uma pequena igreja nas proximidades do cruzeiro, para melhor agasalhar as festividades.

A ideia tomou forma, pois dentro em pouco todos cooperaram para o erguimento da capela que teve a invocação São João Batista. Os senhores João José Batista Nogueira e Luiz Antônio Figueiredo ofereceram o terreno necessário, constituído de 4,5 alqueires e o Sr. Anselmo Caparica, que nivelou e alinhou o terreno da futura praça, seguindo-se a construção das demais casas que constituíram o povoado. Apelando ao Bispo Diocesano, D. Lino Deodato de Carvalho, conseguiu-se ordem de missa por quatro anos e nomeação do Padre Fernandes Deroza para pároco; nesse mesmo ano, no dia 24 de Junho, com grandes festividades, foi colocada no altar da nova Capela a imagem de São João Batista, padroeiro do lugar.

O povoado foi elevado à categoria de distrito de paz pelo decreto nº 135 de 3 de Março de 1891, revogado pela Lei nº 54, de 9 de Agosto de 1892; restaurado pela Lei nº 207, de 30 de Agosto de 1893 e pelo Decreto nº 348, de 17 de Agosto de 1895, foi elevado a município, tendo sido instalado em 20 de Agosto de 1896. Teve seu nome mudado para Joanópolis pela Lei nº1578, de 18 de dezembro de 1917.

E no dia 23 de janeiro de 2001, o Município de Joanópolis foi elevado à categoria de Estância Turística, através da Lei Estadual nº 10.759.

LOCALIZAÇÃO

Joanópolis está localizada entre Serras da Mantiqueira e do Guirra, na zona fisiografia Cristalina do Norte e suas coordenadas geográficas são: 22°57′ de Latitude Sul e 46°17′ longitude W GR.

Distância da Capital 76 Km em linha reta e 100 Km pela Rodovia Fernão Dias até Atibaia e pela Rodovia D. Pedro I até o início da SP-36 que liga Piracaia à Joanópolis.

O Município de Joanópolis pertence a Região de Campinas Sub-Região de Bragança Paulista, limitando-se com o Estado de Minas Gerais através dos Município de Extrema, Camanducaia e Vila Monte Verde; com os Municípios Paulista de São José dos Campos, Piracaia, Vargem, Igaratá e Bragança Paulista.

Possui uma área de 377km ² com altitude mínima de 850m onde se localiza a represa do Sistema Cantareira- SABESP e altitude máxima de 2.070m. Acidade está a 1.000m de altitude. A temperatura média anual é de 19°C e a pluviosidade anual média é de 1.600mm e seu clima é temperado. Com Inverno menos seco. Sua população aproximada é de 11.000 habitantes sendo:7.000 na cidade e 4.000 na zona rural e conta 5.500 eleitores.

BACIA HIDROGRÁFICA

Sua hidrografia é composta de muitos rios e uma centena de cachoeiras sendo, a Cachoeira dos Pretos com 154m de queda d’água, a principal, seguida pela Cachoeira da Ipunina, com maravilhosa queda d’água, as quais contribuem com o sistema Cantareira de represas da SABESP, sendo que a maior delas possui 40 Km² de espelho d’água, bem própria para esportes náuticos.

ATRAÇÕES TURÍSTICAS

Joanópolis possui um grande potencial turístico através de suas belezas naturais, clima excelente e águas puras.

A Represa dos Rios Jaguari e Jacareí com aproximadamente 2,5 bilhões de metros cúbicos de água e 50 Km² de área coberta.

Nos inúmeros rios de Joanópolis existem dezenas de cachoeiras em águas límpidas e sem poluição, destacando-se entre elas a Cachoeira dos Pretos, com 154m de quedas.

A cidade, de traçado moderno e belas praças, está situada na parte menos acidentada do município, cercada por um curral de Montanhas, de onde se avista o Pico do Lopo, com 1,725m de altitude, que forma a imagem do “Gigante Adormecido”.

Outros pontos turísticos são: Pedra do Carmo, com 1.900; Pico do Selado, com 2.070m.

ECONOMIA DO MUNICÍPIO

É baseada na agricultura e pecuária, comércio e turismo.

O município pertence à Comarca de Piracaia.

ORIGEM DO NOME

Nome de fundação, São João do Curralinho, por estar situada num curral de montanhas, posteriormente, Joanópolis que quer dizer, cidade de João.

MEIO AMBIENTE

O município de Joanópolis está sob proteção ambiental (APA) e de mananciais (APM), sendo assim, desenvolve uma postura de proteção de recursos naturais, evitando prática de atividades que coloquem em risco os mananciais, a fauna e a flor

Skip to content